Acervo Privalia

Verde discreto

de Privalia (8 julho 2010)

Quem gosta de natureza e vive nas grandes cidades, vive reclamando da falta de áreas verdes. Mas tem muita área verde por aí reclamando da falta de amantes da natureza.

Em São Paulo, o Jardim Botânico está entre as áreas verdes mais belas e menos visitadas da cidade. O motivo improvável da baixa visitação é que a entrada é paga. São meros R$ 3, apenas R$ 1 para estudantes, e para quem vai de carro mais R$ 5 de estacionamento. Vale cada centavo.

O Jardim Botânico de São Paulo conta com trilhas, orquidário, lago, museu de botânica, jardim dos sentidos, duas maravilhosas estufas e a nascente do riacho do Ipiranga.

Nesses dias claros e frios de inverno, é o lugar ideal para levar uma esteira ou manta para colocar sobre a grama e se deixar aquecer sob o sol da manhã.

Como vai pouca gente é difícil pensar em melhor escolha para quem não quer ficar desviando de outros usuários, como acontece nos finais de semana em outras grandes áreas verdes da cidade.

Além das espécies vegetais, os mais sortudos conseguem ver preguiças, bugios e diversas espécies de aves.

Horário de funcionamento:

De terça a domingo e feriados, das 9 às 17 horas.

Fechado: Sexta-feira Santa, 25 de dezembro e 1º de janeiro.

Endereço:

Av. Miguel Estéfano, 3031 (ao lado do Jardim Zoológico)  – Água Funda – 04301-012 – São Paulo/SP.

Fone: (11) 5073-6300 – Ramais 229 e 252.

Compartilhe!

Sobre o autor
Privalia

Privalia

Deixe seu comentário